Juventude em tempos líquidos

Postagem : 29 de junho de 2020

Durante todo o período de crescimento das sociedades, a presença dos jovens é primordial para a evolução e os impactos causados por ela, em diversos campos, sejam eles políticos, econômicos, sociais ou educacionais. No século XX, o papel do jovem foi necessário para a democracia do nosso país contra o Regime Militar, para as transformações de pensamentos críticos e, principalmente, para a forma de educação recebida na sociedade atual, sendo ela moderna e considerada líquida.

A participação juvenil nas questões políticas e sociais é tão importante quanto a dos adultos, visto que quanto mais cedo a pessoa é inserida nesse contexto, mais preparada ela estará para ter autonomia de escolher, lidar com elas e, principalmente, com suas consequências. Porém, o interesse da maioria dos jovens está voltado para a tecnologia, para a internet e afins.

Vale ressaltar que a educação, em geral, não conduz uma base tão boa para essas mudanças atuais, já que não aborda sempre essas questões, fazendo com que os jovens fiquem desmotivados e, muitas vezes, despreparados. É fundamental uma conversa acerca do futuro, para um projeto de vida, sobre as mudanças, os desafios, os questionamentos, as escolhas, as descobertas e as consequências que provocam as opções. O amadurecimento e o acúmulo de experiências geram uma autonomia maior, que é essencial para o crescimento pessoal dessa parcela da sociedade que, mais tarde, será recompensada de acordo com suas atitudes e opções.

Pablo Neruda, poeta chileno, disse: “Você é livre para fazer as suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências.”. Essa frase é importante para compreender todo esse contexto social que os jovens devem passar para ter a consciência de entender, aceitar e acolher essas mudanças, durante sua trajetória na sociedade pós-moderna, com maior incentivo e diálogo certamente, serão mais responsáveis pelas escolhas de vida.

Autora: Natalee Gouvêa. Aluna do Centro de Escrita Regina Magalhães.

Tema: O valor do amanhã para os jovens.