Perspectivas na área médica

Postagem : 29 de junho de 2020

Um herói é um indivíduo capaz de suportar, exemplarmente, uma sorte incomum ou quem arrisca sua vida pelo dever ou benefício dos outros. Na atual sociedade, é comum encontrarmos histórias fictícias de heróis, os quais possuem superpoderes e combatem o mal, além de salvarem os cidadãos. No plano da realidade, também existem heróis atuando em diferentes áreas. No cenário pandêmico vigente, uma dessas classes de heróis tem se destacado: os profissionais de saúde. Eles não têm capa, têm jaleco; não têm poderes, mas se ariscam diariamente para salvar a população. Há, no entanto, situações degradantes enfrentadas por estes profissionais, como a desvalorização e abalo psicológico pelo advento desta grave doença.

Primeiramente, vale ressaltar que episódios de agressão aos servidores da saúde não são incomuns e que enfermeiros e alguns outros especialistas dessa área não recebem o retorno monetário adequado. Em relação às agressões, muitos médicos e enfermeiros se sentem acuados e não prestam boletim de ocorrência por medo de represália. Tais episódios têm afastado médicos dos postos de saúde periféricos. Já no que tange ao mau pagamento de alguns desses profissionais, é um absurdo, visto sua importância para a sociedade e o seu desgaste diário ao exercer a profissão.

Além disso, ao tratarem pacientes, os clínicos expõem a si próprios e aos seus familiares, uma vez que podem contrair as doenças. O Covid-19 e a grande carga de trabalho podem gerar quadros de depressão, síndrome de “burnout” e degradação mental. De acordo com o pensamento do ex-primeiro-ministro do Reino Unido, Winston Churchill: “Se você está atravessando o inferno, continue”. Nesse sentido, pode-se inferir que os profissionais de saúde, seguem este ideal, já que apesar de carregarem vários fardos e encontrarem obstáculos na sua trajetória, eles prosseguem pelo bem comum.

Diante desses fatos, fica evidente a necessidade de auxiliar tais indivíduos. Para isso, o Ministério da Saúde, juntamente com o Governo Federal devem elaborar medidas que apresentem suporte para preservar a integridade dos servidores desta área. Isso pode ocorrer, por exemplo, com uma melhor remuneração de profissionais que têm salários injustos e maiores investimentos em infraestrutura e segurança no meio hospitalar. Ademais, o auxílio psicológico do próprio hospital poderia estar disponível, gratuitamente, para seus trabalhadores. Praticando tais perspectivas, espera-se que tais heróis sejam reconhecidos e recebam o devido valor, criando assim, uma sociedade mais harmoniosa, sadia e grata.

Autor: Bruno Dias. Aluno do Centro de Escrita Regina Magalhães.

Tema: Os desafios dos profissionais de saúde com a Covid-19.